RZ Promoções e Eventos

Web Radio RZ
Estamos Online ;) Ouça e
fica de boa!


Para ouvir nossa rádio, baixe o aplicativo RadiosNet para celulares e tablets com Android ou iPhone/iPads.

WhatsApp diz que aplicativo, após dia com servidores sobrecarregados, vai ser pago?

WhatsApp diz que aplicativo, após dia com servidores sobrecarregados, vai ser pago?

O Whatsapp NÃO vai acabar amanhã e você NÃO terá que pagar para acessá-lo. Ao contrário de que uma nova corrente falsa, que circula pelo aplicativo, o Facebook, que gerencia o mensageiro, nega a informação.
O Whatsapp, aliás, afirma que não envia mensagens aos usuários de forma direta. Vários usuários também enviaram a mensagem para o Whatsapp da Folha da Região (18-99663-5314).


Depois da pane sofrida durante a tarde de quarta-feira (3) em todo o mundo, usuários começaram a compartilhar um texto falso (e cheio de erros de português) afirmando que o aplicativo seria encerrado. A mensagem diz o seguinte:


"Amanhã, às 6 horas eles estão terminando WhatsApp e você tem que pagar para abri-lo, isso é por lei Esta mensagem é para informar todos os nossos usuários, nossos servidores foram recentemente muito congestionados, por isso estamos pedindo que você nos ajude a resolver este problema. Exigimos que nossos usuários ativos enviem esta mensagem para cada uma das pessoas da sua lista de contatos para confirmar nossos usuários ativos que usam o WhatsApp. Se você não enviar esta mensagem para todos os seus contatos, o WhatsApp começará a cobrar. Sua conta permanecerá inativa com a conseqüência de perder todos os seus contatos. Mensagem de Jim Balsamic (CEO da WhatsApp), tivemos um uso excessivo de Nomes de usuário no whatsapp Messenger. Nós Estão a solicitar a todos os utilizadores que Para toda a lista de contatos. Se vocês Não reencaminhar esta mensagem, teremos Como sua conta é inválida e será excluída dentro das próximas 48 horas. Por favor NÃO ignore esta mensagem ou whatsapp Não reconhecerá mais a sua ativação. Se você deseja reativar sua conta depois."


O Whatsapp tem uma cartilha com dicas para identificar mensagens duvidosas, como a acima. Veja na imagem abaixo:

Cartilha do WhatsApp ensina como evitar notícias duvidosas (Foto: Reprodução/ WhatsApp)

 

Cartilha do WhatsApp ensina como evitar notícias duvidosas (Foto: Reprodução/ WhatsApp)


Parceiros

Musical Calmon

Musical Calmon

O Musical Calmon, iniciou seus trabalhos em 1990 lançando o seu 1ª trabalho pela Gravadora Acit, sendo este ainda um disco vinil, onde as músicas mais solicitadas

Ver Perfil Desta Banda
Adson e Alana

Adson e Alana

 " RELEASE " Os irmãos paranaenses Adson & Alana somam mais de 20 MILHÕES de acessos no YouTube. Já estiveram no Programa do Faustão quando foram finalistas do

Ver Perfil Desta Banda
Lincon Ramos & Grupo

Lincon Ramos & Grupo

É músico, cantor, produtor e compositor gaúcho. Gaiteiro nascido e criado em São Luiz Gonzaga-RS, começou tocar e cantar aos 8 anos de idade, juntamente com seu

Ver Perfil Desta Banda
Quer uma banda para fazer um show no seu evento ou festa de interior? Contate-nos

Últimas notícias e artigos

Gravação RBS TV - Canoinhas vai ser destaque no Jornal do Almoço

Gravação RBS TV - Canoinhas vai ser destaque no Jornal do Almoço

Neste sábado, 25, Canoinhas será destaque no Jornal do Almoço, transmitido pela RBS TV. O jornalista Kleber Luis Pizzamiglio e o repórter cinematográfico, Hilton ...

Veja mais
Curiosidades sobre o CHIMARRÃO

Curiosidades sobre o CHIMARRÃO

O Chimarrão é um legado do índio Guarani. Sempre presente no dia-a-dia, o chimarrão constituiu-se na bebida típica do Rio Grande do Sul, ou seja, na ...

Veja mais
Família mantém aceso fogo de chão em fazenda há 200 anos no RS

Família mantém aceso fogo de chão em fazenda há 200 anos no RS

Na Fazenda Boqueirão, em São Sepé, na Região Central e a cerca de 300 quilômetros de Porto Alegre, vive a família Simões Pires, que tem raízes e ...

Veja mais

Próximos Eventos

Set2019

TRADICIONAL FESTA DA COMUNIDADE às 10:00:00

RIO BONITO | PORTO UNIÃO - SC

Animação Paulinho Mocelim e Grupo Coração de

Veja mais